O amor prossegue - Editora e Livraria EME - Livros Espiritas
Preço reduzido! O amor prossegue Expandir

O amor prossegue

Ricardo Orestes Forni Ricardo Orestes Forni

1956

Novo

Aqueles que se amam continuam a nutrir o mesmo sentimento quando deixam a Terra. Neste romance veremos que o amor clama sempre pela oportunidade de envolver e beneficiar o ser amado, não importando a barreira vibratória que nos impede de ver e tocar para poder acreditar. Confiemos! O amor prossegue!

Mais detalhes

R$ 26,60

R$ 38,00

-30%

Cálculo do Frete

Aguardando CEP

Mais informações

O espírito, ser inteligente e imortal, prossegue além das fronteiras do túmulo como solidamente veio demonstrar a doutrina espírita.

Assim, é muito natural que os laços de amor e de ódio prossigam com aqueles que transpõem a dimensão visível para a dimensão imperceptível aos olhos humanos.

O ódio se esvai, mesmo que lentamente, como a fumaça que perde força na medida em que alcança as alturas maiores do espaço por ser obra do homem.

O amor, perene, permanece para sempre porque é uma Lei de Deus. E prossegue, destemido e resoluto.

Nada mais natural, portanto, que aqueles que se amam continuem a nutrir o mesmo sentimento quando deixam a escola da Terra. Esse romance revela esse fato: veremos que o amor clama sempre pela oportunidade de envolver e beneficiar o ser amado, não importando a barreira vibratória que nos impede de ver e tocar para poder acreditar.

Características

Autor(a) Ricardo Orestes Forni
Gênero Romance espírita
Editora Editora EME
Edição - Ano da Edição Ed2 –2019
I.S.B.N. 9788595440739
Altura 22.5
Largura 16
Comprimento 1.7
Peso 0.370 g
Número de Páginas 264 p
Idioma Português

DOWNLOADS

Comentários

Nenhum comentário sobre este produto, ajude e seja o primeiro!

Escrever comentário

Triunfo de uma alma - recordações das existências de Yvonne do Amaral Pereira

Yvonne do Amaral Pereira teve imensa força interior para realizar o triunfo de uma alma em sua última reencarnação. Mais do que uma homenagem, este livro é um importante alerta a todos nós viajantes na estrada evolutiva, sobre a colheita da semeadura que realizamos na posse de nosso livre arbítrio.